Seção de atalhos e links de acessibilidade

Durante a chuva de ontem (13) prefeitura constata descarte irregular de lixo em canais, córregos e valas


Publicado em: 14 de Setembro de 2023

Autor: Esdras Crepaldi


Data: 14 de Setembro de 2023

Autor: Esdras Crepaldi


Autor da Foto: Assessoria

Apesar das ações de conscientização para que a população não jogue lixo nos canais e córregos do município, em alguns locais de Cáceres, como valas e margens da avenida São Luiz, córrego Sangradouro e canal do Renato, pessoas insistem em não atender aos apelos da prefeitura e da Autarquia Águas do Pantanal e continuam descartando detritos e muito rejeito nestes locais.

Com a chuva do último dia, 13/09, foi possível constatar por agentes da prefeitura o descarte irregular de lixo orgânico, e de  sacos e garradas plásticas, carcaças de TV e ar-condicionado e até colchões nestes pontos.

Segundo o diretor da Autarquia Águas do Pantanal, Júlio Parreira, estas atitudes são inadmissíveis, pois a coleta domiciliar de lixo é realizada três vezes por semana em todos os bairros de Cáceres, semanalmente a coleta seletiva  e a cada 15 dias tem o cata treco.
O secretário de Infraestrutura, engenheiro Wesley Lopes, destacou que a prefeitura vem realizando a limpeza de canais , córregos e bocas de lobo, mas que o descarte errado e em local inapropriado, pode trazer transtornos durante as chuvas.   

“ Temos retirado uma grande quantidade de detritos que dificultam o escoamento da água. O descarte inadequado de lixo é uma das principais causas de alagamentos”, observou Wesley.

O secretário de Meio Ambiente Luiz Antônio Gallo, reiterou para que o descarte obedeça as regras e a legislação ambiental vigente.

Gallo concluiu dizendo que o lixo jogado em vias públicas ou depositado ilegalmente em áreas naturais ou públicas, polui o solo e lençóis freáticos, afetando a flora, a fauna  e a saúde das pessoas.

Esdras Crepaldi